domingo, 10 de setembro de 2017

Dedo no cuzão

DEDO NO CUZÃO






Sutilmente eu senti que o cara atrás de mim se encostou na minha bunda mas não vi maldade alguma porque o ônibus estava lotado. Eu pensei comigo, daqui a pouco ele se afasta e acha um espaço para ele ficar, mas ele continuou me encoxando.

Não que eu não gostasse de ter um pau relando minha bunda, porém a primeira coisa que pensei foi "ainda essa, ônibus lotado, e um passageiro quer tirar o meu lugar", e só me dei conta que era uma encoxada por ele encostar-se em mim independente do movimento de curva e freiada do ônibus.

Uma vez que estava óbvio que havia um pau duro relando minha bunda eu pressionei para trás meu traseiro e se ele estivesse fazendo sem querer ele iria sair dali mas não foi o caso, ele reagiu pressionando seu pau contra minha bunda. Eu não olhava para trás, temendo que se eu olhasse quem era ele, ele iria embora, fiquei na minha curtindo a situação.

O máximo que fiz foi dar uma leve esgueirada de olhos para ver se alguém já estava sacando a sacanagem mas o ônibus de tão lotado, quem estava sentado perto de fim dormia (ou fingia dormir, como alguém consegue dormir no lotação???) e o sentado na janela mexia no celular. Quem estava em pé, uma mulher com uma bolsa grande pendurada no ombro e do outro meu lado um senhor que estava com as duas mãos segurando a barra fixada no teto e tinha um fone de ouvido e parecia ausente ouvindo uma música evangélica, sei que era porque de vez em quando ele cantava um trechinho.

Com as últimas manchetes de homem ejaculando em ônibus urbano eu pensei comigo, não vou ter essa sorte de um macho gozar no meu ombro ou na minha cara, mas um pau duro esfregando na minha bunda já é sorte, já está bom, ué! Eu só desceria no meu ponto bem depois, tinha tempo então para curtir o tarado do ônibus, quem sabe deixar ele com muito tesão e fazer o pau dele babar bastante ou até mesmo gozar na cueca.

Calor desgraçado de fim de tarde, ônibus que mal andava num trânsito lento de um mundo de veículos saindo do centro em direção à bairro, quem é que fica pensando em sexo nessa hora? Eu e o taradão!!! Acho que ficamos mais confiantes por ninguém estar notando o que está acontecendo e eu resolvo abrir o botão do meu jeans e abrir o zíper e deixar a calça frouxa, ele percebeu e enfiou a mão atrás e desceu a mão por dentro da minha cueca e tocou o dedo no meu cú, abrindo com maestria com uma mão só o caminho para chegar ao meu cú.

Facilitei empinando um pouco mais a bunda para trás e ele conseguiu enfiar um pouco o dedo, não dava para ir mais fundo, mas foi delicioso, ele empurrava o dedo para dentro do meu cú, depois ele só girava a ponta do dedo na entradinha, tinha hora que ficava pondo e colocando o dedo dentro, minhas pregas no começo resistiram mas depois meu cu ficou laceado e até piscava no dedo dele.

Quando o evangélico ficou mais virado pra minha direção o taradão tirou o dedo e eu tratei de abotoar a calça, só me faltava o velho descobrir e fazer escândalo. Senti que ele voltava a me encoxar e ficou nisso até a hora que eu desci no meu ponto. Não sei quem era ele, se era novo ou velho, branco ou negro, só sei que ele não era gordo porque senão eu tinha percebido isso pela barriga dele encostada nas minhas costas, não, ele era sem muita barrida e definitivamente não era gordo.

E não era baixinho, era um pouco mais alto que eu, uns 1,75 de altura, por aí. E não era trabalhador braçal, tinha mãos normais, acho que trabalhador braçal fica com mão e dedo ásperos, não é isso mesmo? Ele devia estar usando calça social de tecido sintético, porque eu sentia bem o pau dele e se fosse jeans era mais difícil já que eu mesmo usava jeans, e dois com jeans aí dificulta sentir o pau tão bem do jeito que eu senti o pau dele.

A minha esperança é que haja uma próxima vez de pegar essa linha de ônibus na volta do trabalho e ele esteja dentro e se lembre de mim e veja me encoxar novamente. E melhor ainda, dar uma apimentada e deixar eu passar a minha mão para trás e pegar na rola dele e punhetar ele gostosamente até ele gozar na minha calça e eu sair do ônibus com uma marca molhada na bunda, não estou nem aí de sair andando na rua com calça melada atrás de porra e a calça ir soltando aquele cheiro inconfundível de gala recém-ejaculada.

Nossa, preciso logo chegar no meu apartamento e abrir o chuveiro e bater uma punheta durante o banho, pensando no meu taradão do ônibus, isso me deu muita tesão, me senti desejado, usado, vivo. O cara deve ter gostado muito e muito provavelmente ele deve estar doido pra chegar na casa dele e bater uma boa duma punheta.





Dedo no cú 1







Dedo no cú 2







Dedo no cú 3







Dedo no cú 4







Dedo no cú 5







Dedo no cú 6







Dedo no cú 7







Dedo no cú 8







Dedo no cú 9







Dedo no cú 10







Dedo no cú 11







Dedo no cú 12







Dedo no cú 13







Dedo no cú 14







Dedo no cú 15







Dedo no cú 16







Dedo no cú 17







Dedo no cú 18







Dedo no cú 19







Dedo no cú 20







Dedo no cú 21







Dedo no cú 22







Dedo no cú 23







Dedo no cú 24







Dedo no cú 25







Dedo no cú 26







Dedo no cú 27







Dedo no cú 28







Dedo no cú 29







Dedo no cú 30







Dedo no cú 31







Dedo no cú 32







Dedo no cú 33







Dedo no cú 34







Dedo no cú 35







Dedo no cú 36







Dedo no cú 37







Dedo no cú 38







Dedo no cú 39







Dedo no cú 40







Dedo no cú 41







Dedo no cú 42







Dedo no cú 43







Dedo no cú 44







Dedo no cú 45







Dedo no cú 46







Dedo no cú 47







Dedo no cú 48







Dedo no cú 49







Dedo no cú 50







Dedo no cú 51







Dedo no cú 52







Dedo no cú 53







Dedo no cú 54







Dedo no cú 55







Dedo no cú 56







Dedo no cú 57







Dedo no cú 58












GOSTA DE DEDO NO CÚ?



E DE PLUG ANAL?



CONHEÇA A NO-XCAPE!

Surpreenda-se com a deliciosa sensação de um plug anal, só falta você para experimentar!!!






8 MILHÕES DE VISITAS
GRAÇAS A VOCÊ ATINGIMOS ESSA MARCA NESTE DIA 10 DE SETEMBRO DE 2017
MUITO OBRIGADO!!!

2 comentários:

  1. Sou de bh, adoro dedar um cuzinho, se alguém quiser me chama no zap 995457177

    ResponderExcluir
  2. Nossa, fiquei com muito tezao com sua proposta, Anonimo, cujo post foi em 11 de setembro de 2017 as 1954, quero muito vc, estou te passando mensagem la no zap, mas vc nao ta respondendo, espero que veja rapido, e possamos combinar um encontro, beijos...

    ResponderExcluir