O que você achou desta postagem?

sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

Como agarrar um marido


Muitos homens aparecendo na nossa vida e depois indo embora, não é mesmo assim que acontece com nós, os homossexuais? Algumas hipóteses que acreditam-se ser mais acertadas e aplicáveis para explicar a rotatividade de homens na vida de um gay é que nós gays somos fúteis e poligâmicos (ou a palavra certa seria infiéis?).

Capa do livro na versão em língua portuguesa lançado no Brasil

Eu sei muito bem o porquê dos homens gostarem tanto de ficar comigo temporariamente, sim, isso mesmo, temporariamente. Sexo! Outrossim, gostaria muito de saber o porquê dos homens não ficarem comigo definitivamente. Até imagino a razão: não me amam! Ah, como eu gostaria que um homem ficasse eternamente comigo! Exagerei? Tudo bem, ficasse até que a morte nos separe!!!

Capa do livro na versão em língua inglesa lançado nos USA

Trata-se de um livro direcionado a gays, gays que querem arrumar um marido. Escrito de forma simples, mas mesmo assim inteligente e bem-humorada, apresenta inúmeros conselhos do tipo "faça assim" e "não faça assim". As dicas vão, por exemplo, que tipos de homens evitar, onde achar homens que servem para marido, como se comportar no primeiro encontro.

Ilustration
No livro há várias ilustrações, tais como fotos e desenhos.

O livro escrito em 1998 por Patrick Price recebeu o título "Husband Hunting Made Easy: And Other Miracles for the Modern Gay Man" e você que mora nos USA pode adquirir, por exemplo, no AMAZON.COM. No Brasil você pode adquirir por exemplo na LIVRARIA CULTURA.

5 Reasons
Dicas de 5 grandes razões para se ter um marido


O livro do Patrick Price foi lançado pela Edições GLS em 2001 no Brasil. Na versão brasileira foram feitas modificações a fim de que as referências de pessoas e lugares se ajustassem, para melhor entendimento, à realidade brasileira. Além disso, não há fotos (como há no livro original) e os desenhos originais foram feitor por um artista brasileiro.

A ilustração acima, de Márcio Baraldi, está presente na versão brasileira.


Você pode ler um trecho em inglês, em ECHONYC.COM, mais especificamente a parte do "What is a husband?". Em língua portuguesa do Brasil você pode ler trechos do livro "Como agarrar um marido versão gay" no GOOGLE BOOKS. Vou repetir abaixo uma parte do Capítulo 1, mais precisamente a parte chamada "Sim, aceito":

Hoje em dia, quando ligamos a tv ou lemos um jornal, temos a impressão de que casamentos gays estão em toda parte. O público em geral - ou melhor, a mídia - sempre gosta de um novo escândalo, e a visão de dois homens de fraque no altar é aparentemente um dos últimos tabus da nossa sociedade.
As reações preconceituosas dão a entender que todo homem ou mulher homossexual quer agarrar seu parceiro e correr até a Tok Stok para comprar a mobília e o enxoval, trazendo assim o caos à Terra ou desgraças que só Nostradamus teria previsto.
Na verdade, isso com certeza movimentaria nossa economia, devido ao grande número de lençóis de linho, louças importadas e objetos de arte que seriam vendidos.
Mas antes de começar a debater o politicamente correto ou a possibilidade de sobrenomes compostos, quero lembrar que, enquanto alguns procuram o reconhecimento oficial do casamento, outros simplesmente desejam o que todos os seres humanos merecem - alguém par amar e que por sua vez também o ame de volta.
E ninguém pode dizer que essa ideia seja revolucionária.
Espero que você leia o livro, e assim como eu, acabe recomendando-o aqueles amigos gays que querem se casar. Um abraço.

Nenhum comentário:

Postar um comentário