terça-feira, 10 de abril de 2012

Milho baunilha


Uma das maiores fraudes musicais já ocorrida foi com MILLI VANILLI. Eu mesmo jamais suspeitaria que ROBERT PILATUS e FABRICE MORVAN não cantavam, só faziam mímica enquanto o playback rodava, se a farsa não tivesse sido descoberta. Contudo, antes do escândalo estourar eles já tinham conseguido ganhar um Grammy de melhor artista estreiante de 1990.


Na festa do Grammy em 21 de fevereiro de 1990 eles cantaram Girl You Know It's True e não sei como conseguiram se apresentar sem levantar suspeita. Bom, pelo menos no Grammy não levataram suspeita, porém em 21 julho de 1989, num show da MTV gravado no parque temático de LAKE COMPOUNCE, o playback agarrou e ficou repetindo uma frase da música. Incrível, as 80 mil pessoas presentes não repararam, mas os críticos musicais sim!


O engraçado é que ficou na história que o acidente fatal mais famoso que aconteceu no parque temático, não foi montanha russa descarrilar ou alguém despencar de um brinquedo, foi o desmascaramento do Milli Vanilli. A notícia do que tinha acontecido com o show "ao vivo" do Milli Vanilli se espalhou, mas ficou na base da suspeita, não impedindo que eles recebesse o Grammy exatamente sete meses depois.


Eles faziam sucesso também com mais três músicas: Baby Don't Forget My Number, Girl I'm Gonna Miss You, Blame It On The Rain. Embora os rumores ficassem cada vez mais fortes, e você sabe que a fome de escândalo faz a mídia correr atrás desses "pratos cheios", parece que os fãs em 1990 não estavam se importando com a "representação", tal era o carisma de Milli e Vanilli no palco.


No final do ano de 1990, em 15 de novembro, o produtor musical deles, FRANK FARIAN, admitiu ser ele o orquestrador da farsa desculpando-se dizendo que os verdadeiros cantores (Charles Shaw, John Davis, e Brad Howell) não tinham o domínio de palco e o impacto visual que os muiiiiiiito bonitinhos do Robert e Fabrice tinham. 


Um cantor que faça uma atuação falsa no palco, desde o episódio com o Milli e Vanilli, passou a ser considerado como um cantor milho baunilha. E até mesmo marqueteiros podem criar um político milho baunilha, aquele político que parece ser mas na verdade não é nada do que parece.

Fabrice Morvan

Robert Pilatus

Milli Vanilli não tem tradução, nem na língua inglesa nem em português, é um nome inventado, na verdade foi escolhido para ser o nome da dupla quando eles faziam uma turnê na Turquia. Milli lembra milho e vanilli lembra vanilha (baunilha). O vídeo abaixo contém as vozes verdadeiras de Robert Pilatus e Fabrice Morvan, ou melhor de Rob e Fab.


Dá pra perceber que não cantam lá muito bem. Nunca ganhariam um Grammy com essa voz, aliás eles nunca ganharam o Grammy porque 4 dias após terem recebido o Grammy, tiveram que devolver. Não conseguiram emplacar como antes e até que Fabrice Morvan tentou carreira solo mas não foi muito feliz.


Infeliz mesmo foi o Robert Pilatus, suicidou-se em 2 de abril de 1998. Ele já tinha tentado suicídio antes, em 1991. Envolveu-se no passado com pequenos delitos e sentenciado a cumprir 3 meses de cadeia e 6 meses de reabilitação do vício da cocaína, fez um total de 10 reabilitações, um mês antes de morrer tinha saído da sua última reabilitação.

video

 O vídeo acima você pode ver e ouvir os verdadeiros Milli Vanilli, socorro!!! Voltando a falar de Rob Pilatus, ele era filho adotivo, viveu com sua nova família dos 4 aos 14 anos, quando fugiu de casa. Por ai você percebe como ele era uma pessoa frágil, aliás, sempre foi. Quando a fraude foi descoberta e a sua carreira acabou, sua vida ficou muito difícil.


Que sua alma descanse em paz. A autópsia revelou que ele morreu de overdose. Foi enterrado na Alemanha, em Waldfriedhof, próximo da cidade de Munique, em 2 de abril de 1998. As más línguas dizem que a causa da morte foi morte por esquecimento, esquecimento que se seguiu depois da descoberta que Milli Vanilli era uma fraude. As más línguas também dizem que no túmulo está enterrado o verdadeiro Rob Pilatus, e não um outro em seu lugar.


Quanto a Fab Morvan ele seguiu a vida, e pelo físico que aparece no vídeo abaixo, de agosto de 2010, ele está um gato! Enfim, seu trabalho mostra que ele soube dar a volta por cima.


Milli Vanilli foram bons no que fizeram, mesmo enganando o público, e quando a gente assiste às suas performances a gente tem que reconhecer que eles nos emocionam.  Hoje quando acontece shows de sincronização de lábios, ou como nós no Brasil gostamos de chamar, shows de dublagens, Milli Vanilli dão boas (e engraçadas) apresentações.


Nenhum comentário:

Postar um comentário